Comer a farinha, desmanchar o sal: ecologia das relações pescador-(peixe)-patrão no aviamento amazônico (Série Antropologia, 2008)

Description
Comer a farinha, desmanchar o sal: ecologia das relações pescador-(peixe)-patrão no aviamento amazônico (Série Antropologia, 2008)

Please download to get full document.

View again

of 19
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
Information
Category:

Investor Relations

Publish on:

Views: 6 | Pages: 19

Extension: PDF | Download: 0

Share
Tags
Transcript
  SÉRIE ANTROPOLOGIA ISSN 1980-9867 420 COMER A FARINHA, DESMANCHAR O SAL : ECOLOGIA DAS RELAÇÕES PESCADOR-(PEIXE)-PATRÃO NO AVIAMENTO AMAZÔNICO   Carlos Emanuel Sautchuk Brasília, 2008 Universidade de Brasília Departamento de Antropologia Brasília 2008   2  Série Antropologia  é editada pelo Departamento de Antropologia da Universidade de Brasília, desde 1972. Visa a divulgação de textos de trabalho, artigos, ensaios e notas de pesquisas no campo da Antropologia Social. Divulgados na qualidade de textos de trabalho, a série incentiva e autoriza a sua republicação. ISSN Formato Impresso: 1980-9859 ISSN Formato Eletrônico: 1980-9867 1. Antropologia 2. Série I. Departamento de Antropologia da Universidade de Brasília Solicita-se permuta. Série Antropologia Vol. 420 , Brasília: DAN/UnB, 2008.   3   Universidade de Brasília Reitor: Roberto Armando Ramos de Aguiar Diretor do Instituto de Ciências Sociais : Gustavo Lins Ribeiro Chefe do Departamento de Antropologia: Lia Zanotta Machado  Coordenador da Pós-Graduação em Antropologia: Wilson Trajano Filho  Coordenadora da Graduação em Antropologia: Kelly Cristiane da Silva  Conselho Editorial: Lia Zanotta Machado Wilson Trajano Filho Kelly Cristiane da Silva Editora Assistente: Marcela Stockler Coelho de Souza Editoração Impressa e Eletrônica: Rosa Venina Macêdo Cordeiro   4 EDITORIAL A Série Antropologia foi criada em 1972 pela área de Antropologia do então Departamento de Ciências Sociais da Universidade de Brasília, passando, em 1986, a responsabilidade ao recente Departamento de Antropologia. A publicação de ensaios teóricos, artigos e notas de pesquisa na Série Antropologia tem se mantido crescente. A  partir dos anos noventa, são cerca de vinte os números publicados anualmente. A divulgação e a permuta junto a Bibliotecas Universitárias nacionais e estrangeiras e a pesquisadores garantem uma ampla circulação nacional e internacional. A Série Antropologia é enviada regularmente a mais de 50 Bibliotecas Universitárias  brasileiras e a mais de 40 Bibliotecas Universitárias em distintos países como Estados Unidos, Argentina, México, Colômbia, Reino Unido, Canadá, Japão, Suécia, Chile, Alemanha, Espanha, Venezuela, Portugal, França, Costa Rica, Cabo Verde e Guiné-Bissau. A principal característica da Série Antropologia é a capacidade de divulgar com extrema agilidade a produção de pesquisa dos professores do departamento, incluindo ainda a produção de discentes, às quais cada vez mais se agrega a produção de  professores visitantes nacionais e estrangeiros. A Série permite e incentiva a republicação dos seus artigos. Em 2003, visando maior agilidade no seu acesso, face à procura crescente, o Departamento disponibiliza os números da Série em formato eletrônico no site www.unb.br/ics/dan. Ao finalizar o ano de 2006, o Departamento decide pela formalização de seu Conselho Editorial, de uma Editoria Assistente e da Editoração eletrônica e impressa, objetivando garantir não somente a continuidade da qualidade da Série Antropologia como uma maior abertura para a inclusão da produção de pesquisadores de outras instituições nacionais e internacionais, e a ampliação e dinamização da permuta entre a Série e outros periódicos e bibliotecas. Cada número da Série é dedicado a um só artigo ou ensaio. Pelo Conselho Editorial: Lia Zanotta Machado   5 SUMÁRIO Título : Comer a farinha, desmanchar o sal  : ecologia das relações pescador-(peixe)-patrão no aviamento amazônico. Resumo: Este artigo trata do aviamento, não apenas como organização econômica da  pesca amazônica, mas refletindo sobre as diversas formas de relação entre pescadores e  patrões – troca, dádiva e proteção. Além disto, ressalta-se o papel da dimensão temporal do aviamento da pesca, sobretudo no intervalo da captura, quando o consumo dos itens aviados (sobretudo farinha e sal) ganha sentido frente à atividade prática, compondo o ritmo imprevisível da produção. Comparando as pescas lacustre e costeira praticadas  pelos habitantes da Vila Sucuriju, no Amapá, são sublinhados os diferentes significados que assumem a concessão de crédito, a depender de cada contexto. De modo que, se é sabido que o aviamento influencia diretamente a atividade pesqueira, o argumento aqui avançado é que o sentido da relação entre pescador e patrão depende, em grande medida, da interação entre o pescador e outros fatores envolvidos na captura (peixe,  barco etc.). Palavras-chave: Amapá, Amazônia, aviamento, pesca, reciprocidade, tempo.  Title:   The temporality of flour and salt.  Ecology of the fisherman-(fish)-patron relationship in Amazonian aviamento  (debt-credit system) Abstract:   This article deals with aviamento, not only as economic organization of Amazonian fishing, but as a topic for reflection on different forms of relationship  between fishermen and patrons – exchange, gift and protection. Beyond that, it underlines the role of the temporal dimension of aviamento in fishing, stressing the interval of capture, when consumption of the merchandises handed by the aviador to the fisherman (mainly flour and salt) gains meaning regarding the practice of capture, composing the unpredictable rhythm of production. Comparison between lake and coast fishing practiced by the inhabitants of Vila Sucuriju, in Amapá, Brazil,reveals the different meanings concession of credit, assumes in each context. If it is well known that aviamento directly influences the fishing activity, the argument here is that the relationship between fisherman and patron depends, in an large measure, on the interaction of the fisherman and other factors involved in the capture (fish, boat, and so on) . Keywords : Amapá State-Brazil, Amazon, aviamento, fishing, reciprocity .  
Related Search
Similar documents
View more...
We Need Your Support
Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

Thanks to everyone for your continued support.

No, Thanks